Web Content Viewer (JSR 286)

Ações
Carregando...

Central de notícias

|

Veja 5 motivos para explorar as novas tecnologias na educação

Recursos colaboram para o processo de aprendizagem e de formação de adultos bem-sucedidos
Publicado em 22/08/2018 às 10:32Atualizado em 24/08/2018 às 11:56

Ana Cláudia Gonçalves

O que é tecnologia? Para essa pergunta, você pode ter pensado rapidamente em sistemas automatizados, ferramentas virtuais, inteligência artificial...só que o ser humano está inserido em um mundo tecnológico desde sempre e dá para comprovar isso por meio da definição apresentada pelo dicionário para o termo: “teoria geral e/ou estudo sistemático sobre técnicas, processos, métodos, meios e instrumentos de um ou mais ofícios ou domínios da atividade humana”.

O mundo provou que era tecnológico quando pisou na lua pela primeira vez ou quando o lápis, a caneta, a régua e tesoura foram inseridos em um ambiente escolar. “Tudo o que desenvolvemos para melhorar a nossa vida é tecnologia. Nesse sentido, a escola sempre esteve em um mundo tecnológico”, pontua a pedagoga e gerente de Educação do Sesc, Emília Caldeira.

No entanto, o avanço acelerado da tecnologia tem surpreendido e apresentado uma infinidade de possibilidades, inclusive na educação formal. Para uma geração que nasceu em uma realidade virtual já consolidada, usar dos novos recursos passa a ser indispensável para o aprendizado das crianças.

Veja cinco motivos para inserir as novas tecnologias na sala de aula e revolucionar o ensino:

1) Mais interação e troca de informações

As novas ferramentas disponíveis permitem a troca de informação entre professores, alunos em tempo real e abre possibilidades para fóruns de discussões em plataformas virtuais.

As salas de aula encontram-se em espaços virtuais, onde o professor publica material, proposta para trabalhos, abre discussões, e os alunos acessam, participam e interagem em casa.

2) Preparação do aluno para o mundo do trabalho

Quais serão as profissões do futuro? Imagine como o mercado de trabalho lidará com tanta inovação daqui uns anos? A tecnologia na escola permite, não só mais acesso a informação e formação de um indivíduo completo, mas de um profissional familiarizado com as novidades lançadas mercado.

O aluno preparado e atualizado com os recursos atuais estará pronto para um futuro ainda mais digital e mutável. 


Colégio Sesc Governador Valadares (Crédito: Dan Costa)

3) Mais estímulo e dinâmica para a vida do aluno

A tecnologia sempre irá colaborar na vida do ser humano. No processo de aprendizagem ou apenas para uso de lazer, a riqueza na evolução dos recursos e das possibilidades encantam e oferecem dinamicidade.

A criança em idade para Educação Infantil já pode aprender o potencial desse tipo de equipamento assim como o de um celular e de um tablet. Ela já busca interações e constrói relações de investigação com esses objetos.

Já no Ensino Fundamental pode-se preparar o aluno para o bom uso dos recursos. “Uma geração que recebe essa orientação certamente será formada por pessoas que mudarão o perfil do comportamento do cidadão virtual dos dias atuais”, finaliza Emília.

4) Riqueza de materiais disponíveis na internet

Há uma infinidade de informações disponíveis na internet e recursos que podem fazer as aulas mais dinâmicas, criativas e atrativas. Por exemplo: um professor de história pode explorar conteúdos fazendo visitas virtuais com os alunos em museus famosos espalhados pelo mundo.

5) Potencial para desenvolvimento da lógica e rapidez de raciocínio

A mesclagem do ensino tradicional para a inserção das novas tecnologias nas escolas impacta diretamente no processo de aprendizagem e isso já é comprovado por pesquisas. Um projeto da Unesp (Universidade Estadual Paulista) mostrou que o uso da tecnologia na educação melhora 32% o rendimento dos alunos em matemática e física, comparando com os conteúdos trabalhados de forma expositiva em sala de aula.

Outro dado muito interessante revela que 51% dos estudantes que tinham dificuldades para aprender, melhoraram o rendimento a partir do uso dessas novas ferramentas. Isso tudo porque as tecnologias digitais permitem contato com novas linguagens e aproximam o conteúdo escolar dessa nova geração que já nasceu entre celulares e tablets.

Tecnologia aplicada à educação nos Colégios Sesc

Lousas interativas, tablets e projetos de robótica. Os Colégios Sesc estão se adaptando aos adventos tecnológicos e estimulam professores e alunos a utilizarem ambientes virtuais para tornar a “matéria” mais interessante. É a Tecnologia na Escola!

Os projetos de robótica possibilitam os estudantes a criar seus protótipos de máquinas em movimento. Tudo para manter o aluno estimulado e oferecer maior envolvimento com as atividades propostas em sala de aula.


Colégio Sesc Governador Valadares (Crédito: Dan Costa)

 

http://sescmg.com.br/colegiosesc/