Web Content Viewer (JSR 286)

Ações
Carregando...

Central de notícias

|

OdontoSesc integra a Ação ‘Canto da Rua Emergencial’

Unidade Móvel de Saúde do Sesc fará atendimento às pessoas em situação de rua, na Serraria Souza Pinto, até 15 de agosto
Publicado em 02/07/2020 às 16:08Atualizado em 02/07/2020 às 16:08

O Sesc em Minas está presente em mais uma iniciativa contra a Covi-19 (coronavírus) na capital. A partir desta sexta-feira, 3 de julho, o OdontoSesc fará atendimentos para promoção da saúde bucal da população e o acesso a tratamentos odontológicos gratuitos, até 15 de agosto, por meio da ação ‘Canto da Rua Emergencial’. Trata-se de uma iniciativa da Pastoral de Rua da Arquidiocese de Belo Horizonte, do Instituto Unibanco e do Vicariato Episcopal para Ação Social, Política e Ambiental, que oferece à população em situação de rua diversos serviços relacionados a cuidados com a saúde, higiene pessoal e alimentação, e ainda acesso a serviços sócio assistenciais e direitos.

A ação também conta com o apoio do Governo do Estado de Minas Gerais, da Prefeitura de Belo Horizonte, da Pastoral Nacional do Povo da Rua e do Movimento Nacional do Povo da Rua. O projeto está acontecendo na Serraria Souza Pinto (Av. dos Andradas, 640, Centro – Belo Horizonte) e, durante a realização, serão disponibilizadas 280 consultas de urgência às pessoas em situação de rua. 

No OdontoSesc, o público presente na Ação ‘Canto da Rua Emergencial’ terá acesso a atendimentos de urgência para tratamento de Cáries extensas, Abcessos intra oral e Pulpites, além da realização de Cirurgias simples (extrações simples e restos radiculares) e Radiografias odontológicas para pacientes em tratamento na Unidade Móvel, quando necessário. Também haverá identificação e encaminhamento de casos de patologias e alterações bucais e sistêmicas para atendimento especializado, indicado pelo parceiro.

SOBRE O ODONTOSESC
Para atender municípios que têm acesso insuficiente a serviços de odontologia, o Departamento Nacional do Sesc criou o OdontoSesc. Em Minas Gerais desde 2011, o projeto itinerante chega a diversas partes de estado por meio de carretas adaptadas com consultórios odontológicos permanecendo, em média, dois meses em cada cidade, prestando atendimentos pré-agendados e gratuitos.

Cinco carretas oferecem acesso às ações de saúde bucal de baixa e média complexidade. As unidades são equipadas com quatro consultórios odontológicos, uma sala de esterilização completa e um espaço para realização de radiografias. Cinco profissionais (três dentistas e dois técnicos em Saúde Bucal) recebem, em média, 130 pacientes e realizam mais de 6 mil procedimentos clínicos por temporada do projeto. São oferecidos tratamentos como restauração em resina fotopolimerizável, amálgama e cimento de ionômero de vidro (CIV), tratamento de canal (dentes anteriores), cirurgias simples (extração dentária e restos radiculares), remoção de tártaro, limpeza e escovação supervisionada, além de radiografias para pacientes em tratamento.

OUTRAS PARCERIAS
Desde que a Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou a pandemia do novo coronavírus, em 11 de março, o Sesc em Minas vem atuando por meio de parcerias junto ao poder público com o objetivo de frear a expansão da doença.

A estrutura de hospedagem do Sesc Venda Nova, Região Norte de BH, foi cedida temporariamente à prefeitura da capital para o acolhimento de pessoas em situação e rua com sintomas da Covid-19. Ao todo, são 260 unidades habitacionais (chalés) que podem receber, diariamente, até 300 pessoas nessas condições. O Sesc em Minas colocou à disposição toda a estrutura, com colchões e travesseiros, itens de higiene pessoal, roupas de cama e banho, além de frigobar e TV. O acolhimento e encaminhamento das pessoas, além de toda a operação, também ficará por conta da prefeitura, por meio da Secretaria de Assistência Social. A parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) iniciou no dia 6 de abril e o prazo foi renovado, finalizando em 31 de julho. Até o dia 30 de junho, a unidade havia acolhido 207 pessoas, sendo que 34 ainda continuavam abrigadas no local.

Na Região Metropolitana de BH, o Sesc Contagem também cedeu temporariamente sua estrutura de hospedagem para prefeitura local. Lá, a unidade está recebendo os profissionais de saúde que estão na linha de frente de combate neste momento delicado. Uma maneira de oferecer conforto e descanso a médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, entre outros, sem que eles precisem voltar para suas casas, evitando assim que coloquem em risco a saúde de seus familiares. Com até 85 unidades habitacionais, a unidade pode receber, em média, 150 pessoas por dia. São disponibilizados quartos com banheiro individual, TV, frigobar, ar condicionado ou ventilador, enxoval (roupas de cama e banho). O fornecimento de refeições, higienização do enxoval, arrumação das acomodações /quartos, bem como a operação e logística para verificação de quais profissionais de saúde poderão utilizar a hospedagem ficaram a cargo da Prefeitura de Contagem. A parceria teve início em 7 de maio e o prazo foi renovado, com término em 4 de agosto. Até o dia 30 de junho, a unidade havia recebido 41 profissionais da saúde, sendo que 20 ainda continuam hospedados no local.

Já no Noroeste de Minas, o Sesc Paracatu também fechou uma parceria com a prefeitura local, nos moldes como a que acontece entre o Sesc Venda Nova e a PBH. A estrutura de hospedagem na cidade foi cedida temporariamente à prefeitura local para o acolhimento de pessoas em situação de rua que necessitam do isolamento social, independentemente de apresentarem, ou não, sintomas da Covid-19. As unidades habitacionais (chalés) disponibilizadas possuem banheiro individual, TV, ar condicionado ou ventilador, e frigobar. A Prefeitura de Paracatu disponibiliza os itens de higiene pessoal, como sabonete, shampoo, condicionador, escova de dentes e creme dental. A unidade pode receber até 60 pessoas por dia. O acolhimento e o encaminhamento para a unidade ficaram a cargo da prefeitura, assim como a operação do serviço. A parceria teve início em 8 de abril e teve o prazo prorrogado até 3 de agosto. Até o dia 30 de junho, a unidade havia recebido um total de 94 pessoas, sendo que 38 ainda continuam hospedados no local.

SERVIÇO

OdontoSesc no ‘Canto da Rua Emergencial’

Data: de 3 de julho a 15 de agosto de 2020

Local: Serraria Souza Pinto (Av. dos Andradas, 640, Centro – Belo Horizonte)